fbpx

Conheça nossas especialidades

Fisioterapia em Equinos

FISIOTERAPIA EQUINA

O cavalo faz parte da história do homem desde os tempos mais antigos. Foi fundamental para o desenvolvimento da civilização humana e hoje segue ao nosso lado nos momento de lazer, nas competições eqüestres, no trabalho do campo e nos centros de equoterapia. Por ser um animal versátil, o cavalo está sob risco de apresentar diversas enfermidades e a fisioterapia tem atuado como importante aliada no tratamento e prevenção de lesões nesta espécie.
A fisioterapia atua principalmente no tratamento de lesões musculoesqueléticas, mas também auxilia no tratamento de enfermidades neurológicas e tratamento de feridas. O fisioterapeuta integra técnicas manuais, recursos eletrofísicos e exercícios propioceptivos capazes de reduzir a dor, diminuir a inflamação, melhorar a amplitude de movimento articular, aumentar o fortalecimento muscular e acelerar a regeneração dos tecidos. Ou seja, é capaz de promover bem-estar e melhora da performance dos animais.

Mas em que momento é ideal chamar um médico veterinário fisioterapeuta?

Pós-competições:
Bons atletas realizam esforços que muitas vezes ultrapassam os limites fisiológicos e estão sob grande risco de apresentar lesões musculoesqueléticas. Sabe-se também que, durante a execução de esportes de alto impacto o corpo sofre microlesões que se acumulam ao longo do tempo e provocam dor. A fisioterapia aplicada logo após os treinos e provas promove bem-estar e melhora do desempenho a longo prazo.

Internamento:
A fisioterapia aplicada em lesões agudas (traumas que ocorreram há menos de 72hs e pós-operatório imediato) apresenta excelentes resultados diminuindo o tempo de uso de antiinflamatórios, redução de edemas e aceleram a alta clínica.

Lesões crônicas:
As lesões crônicas são um desafio no dia-a-dia da clínica veterinária e muitas vezes irreversíveis. Contudo, a fisioterapia possui uma capacidade única de devolver bem-estar ao paciente, regenerar tecidos e controlar a ocorrência de lesões secundárias.

Modalidades da Fisioterapia:
Massagem manual
Alongamentos
Eletroterapia
Laserterapia
Ultrassom terapêutico
Cinesioterapia e Exercícios proprioceptivos

Indicações:
Tendinite
Desmite
Osteoartrite
Lombalgia
Deformidade Flexural
Mieloencefalite Protozoária Equina
Osteocondrite dissecante
Laminite
Feridas
Flebite

Voltar ao topo